R$32,40

R$36,00

2x de R$16,57 Ver mais detalhes

Acho que ninguém planeja o seu próprio fracasso. Pelo menos não em sã consciência. O senso comum empurra os homens, discípulos ou não, a se empenharem em busca do sucesso. E, nessa sanha por encontrá-lo, os discípulos de Jesus precisam estar cônscios de quem são, o que lhes compete e o que os aguarda; do contrário, ministérios bem-sucedidos podem ser considerados um fracasso, enquanto ministérios fracassados podem ser ovacionados como bem-sucedidos. Se o Senhor Jesus tiver voz e vez para expor seus critérios de avaliação, então os que servem em ministérios promissores, mas carentes de aprovação divina, podem fazer o caminho contrário, e os que servem em ministérios fracassados, mas aprovados, podem descansar sabendo que o seu tesouro está guardado.

O livro que você tem nas mãos é um manifesto em favor da certeza e do desfrute da presença de Jesus na tarefa de fazer discípulos de todas as nações. Independente de resultados, de avaliações periféricas ou de ministérios fracassados pela ótica humana, o Senhor Jesus estará presente com aqueles que se propõem a trabalhar para Ele, e, então, com Ele e para a glória dEle.

 

Endossos

"Muitos cristãos brasileiros, cegos pelas promessas de certos pastores famosos, se encontram inúteis para o Reino. Ironicamente, o que os tornou ineficazes foi um desejo doentio de ter sucesso na missão. Em Cristo habita em ministérios fracassados, Yago Martins relembra os cristãos brasileiros que ministério significa serviço, e não holofote. Em uma época de pastores celebridades e influencers cristãos, Yago
joga um balde de água fria em nossos rostos, chacoalhando-nos de volta à realidade do que Cristo nos prometeu: ódio do mundo e a
presença certa e infalível dele mesmo. Todo cristão que ler este livro será confortado e confrontado a tornar-se verdadeiramente útil para o serviço missionário.”

  Francine Veríssimo Walsh
  psicopedagoga, líder do ministério Graça em Flor e autora dos livros
 “Ela à imagem dele: a identidade feminina à luz do caráter de Deus” e “Bem sei que tudo podes”

"A série Grande Comissão tem edificado minha vida nos temas de missão e discipulado. Yago Martins tem uma escrita que consegue unir boa exegese, linguagem acessível, contextualização inteligente e uma acidez assertiva para destacar erros e suas correções. Neste último livro, você encontrará um Yago mais pastoral, apontando para a grande promessa que foi dada juntamente com a missão da igreja. No contraste dessa verdadeira promessa com as falsas promessas que são oferecidas em nossos tempos, este livro lhe ensinará biblicamente o que é um ministério de sucesso e o consolará em meio aos teus próprios julgamentos de um ministério fracassado. Você deseja ser um pastor? Um missionário? Servir fielmente à sua igreja? Deseja fazer missões urbanas? Deseja usar seus dons para edificar a igreja? Leia este livro! Para cumprir a missão que Jesus nos deu, o que mais precisamos é dele mesmo."

  Pedro Pamplona
  pastor na Igreja Batista Filadélfia (Fortaleza/CE),
  mestre em Teologia Sistemática no Instituto Aubrey Clark (SIBIMA),
            professor de teologia no Instituto Schaeffer de Teologia e Cultura

"A linguagem não só informa, ela também produz muitos efeitos. Neste livro, certamente o leitor encontrará um rico conteúdo teológico. Além disso, Yago Martins parece escrever com as batidas do coração pastoral e missionário aceleradas. No fim, Yago faz mais do que simplesmente informar: sua intenção é produzir efeitos na sua forma de viver por Cristo — não por falsas promessas, mas pela percepção da Presença do Ressuscitado e do ministério do Crucificado. Tal percepção nos faz, mesmo sendo considerados como desconhecidos, saber que somos bem conhecidos; tidos como mortos, mas eis que vivemos; espancados, mas não mortos; entristecidos, mas sempre alegres; tidos como pobres, mas enriquecendo a muitos; nada tendo, mas possuindo tudo (2Co 6:9-10)."

  Guilherme Nunes
  pastor na Primeira Igreja Batista de Aquiraz/CE,
            professor no Centro de Pós-Graduação Jonathan Edwards, no Instituto
            Schaeffer de Teologia e Cultura e no Instituto Teológico Semear
 
"Em uma era de triunfo do self e do terapêutico sobre o ministério, surge Yago Martins que nos fala não só algo que era necessário serdito, mas que intuitivamente nosso consciente coletivo tocado pelo Espírito clamava para que fosse dito: sucesso é ser fiel em amar a Deus obedecendo aos seus mandamentos, e isso não será medido em cifras financeiras, números de atendentes a um culto ou influência em redes socais, mas,  sim, será ratificado pelo endosso do Messias no Dia do Senhor. Ele mesmo afirmou que não é a quantidade de seguidores no Instagram que define relevância. A definição de grandeza aos olhos de Deus? “[...] aquele que obedecer à lei de Deus e ensiná-la será considerado grande [...]” (Mt 5:19). Sim, é disso que precisamos: de ministérios fracassados. E que isso seja dito bem alto e bem claro. Precisamos de líderes fracos. Não moralmente fracos, mas fracos segundo as forças desta era. De forma totalmente contraditória a era presente, Paulo, aquele que terminou a vida de uma forma que nós consideraríamos fracasso, disse: “minhas fraquezas são minha única razão de orgulho” (2Co 12:5). Que linguagem distante do que almejamos ao olharmos para os ajuntamentos cheios de holofotes e fumaça, mas sem a presença da nuvem de Deus e da luz divina. Sim, longe de tudo isso é para onde Yago quer conduzir teu coração nesta obra, longe dos picos dos altos montes de influência mundana e para perto de um outro monte, o da caveira, onde teu Senhor foi exposto como um fracasso romano e judaico — mas era nisso, e não apesar disso, que estava o triunfo."
 
 pastor sênior da Igreja Cristã Convergência e líder do Movimento
 Convergência em Monte Mor/SP, integrante do Ministério Impacto e
           Four12 (África do Sul), movimento de apoio às igrejas em vários países

 

Especificações técnicas

Título Cristo habita em ministérios fracassados
Subtítulo A presença divina em obras disprezadas pelos homens
Volume 4
Autor Yago Martins
Páginas 152
Edição 1ª / 2022
Formato 14 × 21 cm
Acabamento Brochura
ISBN 978-65-87263-10-6